Feeling like 22 - Caos Arrumado

inventando moda & carimbando passaportes

COMO ME SINTO

Feeling like 22

, por fialhogi

Feeling 22, O título pode parecer blasé e previsível, quantos posts não se iniciam assim? O que faria do meu diferente? Talvez a forma como eu encaro o mundo, minha perspectiva sobre as coisas é bem peculiar. Sou muito positiva e intensa, dessas que não tem medo de se jogar não, pra mim não existe meio termo ou é 8 ou 80 tem 40 aqui não mermãoNão tem morno, mais ou menos ou não sei. E assim eu quebrei a cara, o cotovelo, o coração uma porrada de vezesNão foi uma, nem duas, mas como uma boa esponja que sou, absorvo aquilo que me fortalece , quebrar a cara me fez aprender e evoluir. Eu aprendi 24638750458456 mil formas de não fazer determinadas coisas e isso è incrível por que posso ajudar pessoas.

7 – NÃO LIGUE PARA OS QUE OS OUTROS DIZEM! 

 photo caosarrumado2_zpskxc02pcf.gif

Você já ouviu isso algumas vezes? Eu sempre escutava, e era difícil por que queria ser aceita por todos mas sem mudar um cadinho de mim. Queria ser amada, ser amiga de todos, but, nem todo mundo vai gostar de você, e não tem nada errado com você. Não precisa mudar seu jeito, fazer o que o outro quer, não precisa e não deve! Sempre fui a estranha do colegio. A guria que vivia lendo Harry Potter (estou falando de 2005 ate 2009, HP era coisa de “nerd”, nem todo mundo gostava do mundo de fantasia ou leitura), que se “fantasiava” que levava a Capricho pra todo qualquer canto, que era apaixonada pelos colirios, que sonhava em trabalhar com moda. Era a mais infantil e ingenua da minha turma, por que não me identificava com a maioria dos novos assuntos. Não queria falar de fulana e da roupa dela, não queria falar sobre o guri que fiquei (ate por que meu primeiro beijo foi aos 15 anos de baixo de uma escada enquanto passava o fim de semana de pascoa na casa de uma amiga). Sofri problemas em me aceitar, por que me recusava a mudar, a agir como outros queriam e com isso minha vida toda (ou a parte do colegio) tive problemas com amizade. Lembro que em uma época que sofri  bullying estava lendo “Como ser popular” da Meg Cabot, que não tem nada a ver com manuais, mas eu ingenua que sou fui ler na escola,. Pensa em uma pessoa que foi aloprada! E o que eu fiz? Ao invés de continuar lendo, guardei o livro. Só por que um bando de gente resolveu que ia tirar com minha cara achando que era tipo autoajuda. E mesmo que fosse, não era da conta de ninguém.

 

6 – VOCÊ E LINDA(E)(O)!

OK. Estamos trabalhando isso ainda com 22 anos, mas já é bem melhor que aos 15, ou aos 20. Me aceitar foi/é difícil por que me comparo com outras pessoas, eu só vejo meus defeitos e soa muito prepotente me achar bonita com todas minhas imperfeiçoes (meus dentinhos tortos, a barriguinha de pochete, minhas bochechas escandalosamente grandes), sabendo que tem gente bem mais bonita que eu. Queria ser como a garota da galera capricho, como a minha amiga que era linda. Tinha vergonha de ser eu mesma. Senti ódio por mim mesma e por meu corpo, quando a uns anos atras fui ver um JOGO DO SÃO PAULO COM OS COLIRIOS (pensa na felicidade da pessoa aos 16 anos) e quando saiu o vídeo, gente que nunca vi na vida resolveu apontar o dedinho magico pra falar dos meus dentes. Eu me odiei, e a lembrança que era pra ser uma das mais contentes, uma realização foi escondida por que tinha vergonha de todo mundo ver meu dentinho. Bom, eu tenho dentinhos tortos e isso é um problema meu. Isso não muda nada quem eu sou. E eu sei que sou charmosa, sou uma pessoa legal e sim sou bonita. Não quero ser esnobe ou metida, mas hoje me aceito, e o vídeo que nunca mostrei pra ninguém é esse aqui oh:

 

 

5 – DIGA “EU TE AMO”

Não como se fosse bom dia e você já sabe disso desde a época do orkut né? Mas esquece essa coisa de joguinho, de não demonstrar por que tem receio, fala logo cara! Sem medo, como arrancar um band-aid. “Mas e se não for correspondido?” Das duas uma: ou você desencana ou você insiste de forma mais realista. Acredite em mim, tem gente que não faz de proposito mas vai te iludir. Vai alimentar em você um sentimento que por vezes não é reciproco, não que ele(a) não te queira bem mas quer muito mais outras coisas, outras vivencias. Não tem problema dizer o que sente, deixar claro o que ta acontecendo ali, ate mesmo por que depois disso, tudo que a pessoa alimentar é em você é de responsabilidade DELA e não só sua. Ela pode ser sim manipuladora, egoista e consumir tudo de bom que ha em você. Não tenha medo de dizer eu te amo, mandar flores aos vivos por que as vezes o tempo passa, não leva desaforo e quando você perceber vai ser tarde demais. Diga mil vezes eu te amo, emane amor, a seus amigos, a sua família, aquela pessoa que você gosta. O mundo precisa de amor.

 

4 – VOCÊ NÃO PRECISA TER CERTEZA DE TUDO.

 photo CAOSARRUMADO1_zpsdtkgva2t.gif

Que mania besta da gente achar que esta sempre certo de tudo, que tem plano pra tudo. Quando vim pra Italia tinha 4 planos, rotas de fugas com uma ideia mais ou menos sobre tudo, dai que acontece? Acontece que dessas minhas possibilidades nenhuma vai se realizar haha, sabe por que? Por que a vida é incerta. Ok a gente buscar um equilíbrio e traçar metas, SUPER OK but, não da prever o dia de amanhã e se você não for flexível, vai chorar varias noites por desespero, angustia com aquele sentimento entalado na garanta de desilusão por que nada esta saindo como o roteiro que você planejou. Relaxa ok? E tudo bem mudar de cabelo, mudar opinião, mudar de carreira, de faculdade de partido politico! Por que se o mundo é que bem mais velho que geral aqui muda, por que você tem que estagnar ? Mantenha seus valores, sua essência e deixa que o resto a vida cuida de ensinar e te guiar.

 

3 – VOCÊ VAI ESQUECER FULANO.

Ele partiu seu coração, deixou você no chão só os caquinhos, talvez tenha sido de proposito, talvez não. Esquecer não é uma tarefa fácil, não tem remédio pra isso e qualquer coisa lembra (inconscientemente e propositalmente) a pessoa desejada. mas repare bem, tudo isso depende da importância que você da! Nenhum consolo parece ser útil, por que as pessoas falam, mas elas não estão sentindo o que você ta sentindo, elas não conhecem fulano como você conhece, elas não viveram a historia que vocês viveram, nada dito ajuda, conforta ou muda, por algo mais forte te impulsiona pra baixo, e essa coisa forte ai, segredo: é você mesmo! Nada é mais forte que a gente, somos nos mesmos que nos torturamos sozinhos. A pessoa pode ter sido um sacana, uma peste, ele pode esfregar em todas as redes sociais que esta bem, e isso te faz um mau pra caramba, ate parece maldade (mas pode não ser) , porem você precisa se distrair, se ausentar, desfocar. E não se preocupa que o tempo (apesar de parecer que não) cura tudo. Ate essa dor que você crê que pode morrer de tristeza. O tempo leva, o tempo é sábio.

 

2- NÃO SOFRA POR ANTECEDENCIA

Não adianta, você vai ler essas 1277 palavras que escrevi ate aqui e vai continuar sofrendo. Vai sofrer por saudade antes de partir, vai sofrer por incertezas, vai sofrer por medo da prova de calculo que nem aconteceu, vai sofrer ao imaginar sua vida sem sua família. Se vai sofrer mesmo, mas sofra quando de fato acontecer. As vezes a gente se preocupa, se desgasta focada em problemas quando na verdade tinha que se concentrar por completo na solução. Dirija toda essa sua vitalidade, animo para resolver. Antes de sofrer pela prova de calculo, estude. As vezes você nem sai tao mau é tinha sofrido atoa. E assim na vida. Respira e priorize solucionar ao invés de sofrer.

 

1 – TENHA ENTUSIASMO PELA VIDA

Muito, quanto mais: melhor. Deixe que as pequenas conquistas te motivem, por que nada vem grande do inicio. Tudo que conquistamos é a base de passos. Sorria muito, mesmo quando estiver tudo ferrado, cagado, de risada. Não seja dessas pessoas negativas, descrentes. A vida é bela sim e a gente fode ela, mas dai no dia seguinte ela é bela de novo. Vamos ser gratos por tudo, como diria Jout Jout, bora desacostumar com as coisas rotineiras. Vamos lutar com vontade por tudo aquilo que acreditamos e queremos nessa vida. Vamos batalhar com nossas forças, vamos ter energia e proatividade em nossos dias. 

 photo caosarrumado3_zpsyur8qdom.gif

 

EITA QUE POST LONGO! Mas queria compartilhar com vocês algumas coisas que descobri ate aqui. Acho bacana fazer textão reflexivo no aniversario por que daqui um ano eu observo e vejo o quanto mudei (ou não). Valorizo muito mais meus poucos amigos que dizem o que eu preciso e não o que quero ouvir, sou muito realizada mesmo com tao poucos anos de vida. E muito obrigada você leitora(or) linde que esta comigo a quatro meses e nessa data mega importante que estou um ano mais proxima da morte. Grazie.

Comente!

Gi Fialho

Comente este post!