/ MODA CRIATIVA

Resolvi compartilhar marcas que acompanho pela rede social que me inspiram muito! O instagram funciona para mim como base de inspiração, então o conteúdo que consumo tem que ter tudo haver comigo, ou seja: tem muito GRL POWER envolvido. Uma das coisas mais bacanas que podemos fazer por elas é além de reconhecer o trabalho, divulga-lo enaltecendo o trabalho dessas minas que são incríveis e tem produtos feitos a mão. Quando você compra de negócios locais ajuda a economia e quando compra de mulheres ajuda a independência dando a chance de um espaço no mercado que além de competitivo é machista. Vem descobrir mais e seguir também <3

 

BRALETTE BOUTIQUE

Me apaixonei pelo trabalho delas quando vi os cliques que a fotógrafa (MARAVILHOSA, RICA, PODEROSA CEIS DEVIAM SEGUIR TAMBÉM) Cristina Nishihara compartilhou em seu blog com um propósito incrível e mega empoderado. A Bralette Boutique cria lingeries sob medida para mulheres reais, vou colar aqui o propósito poético delas “Respeitamos os corpos e as diferenças individuais a fim de proporcionar uma experiencia com a lingerie que seja, no mínimo, satisfatória e linda. Pegamos seu caso nas mãos e fazemos sua peça com seu jeito, por que o seu corpo não foi feito num molde padrão; por que suas roupas deveriam?” chorando.

 

BALMOSTORE 

Conversei com as meninas um dia desses com a idéia de outro post, mas achei que era nesse o momento delas. A marca de upcycling (já falamos sobre aqui né) é formada por duas recém formadas designers de moda. Foi a forma que encontraram de tirar do papel o projeto. A marca conta com peças próprias ou você pode enviar aquela sua jaqueta que elas bordam bonitinho viu? Muito amor bordadinho né?

FUCK! Amanhã é segunda! 🖕🏻flanela xadrez BALM

Una foto pubblicata da BALM | Handmade Embroidery (@balmstore) in data:


FELINE LOJA

Acho que já falei dela aqui nesse post – especial presentes dia dos namorados – e vou falar novamente. Conheci a Rebecca (dona da marca) por acaso em um grupo de vendas, quando ela ainda fabricava os quimonos que foram febre em 2013, não encontrava o modelo que queria então pedi pra ela fazer e depois disso fiquei cada dia mais encantada pelo trabalho dessa mina que além de talentosa é audaciosa e propões itens autênticos e mega ousados. E muito poder.

@eumariacarolina mais conhecida como Deusa 😍

Una foto pubblicata da Feline Loja (@felineloja) in data:

 

DONA FLO

Dona flo produz produtos de higiene naturais, orgânicos que não agridem o meio ambiente com opções veganas (todos amam), alem de pet frindly (não agride os animais) é tudo feito a mão com o maior carinho e perfuminho com mulheres no comando. Elas oferecem três tipos de produtos. Cura: Produtos fitoterápicos, que tratam e curam a pele (manchas, linhas de expressão, alergias, oleosidade, falta de hidratação etc) com os poderes medicinais das plantas. Cuidado: Sabonetes e pastas esfoliantes, pomadas para cicatrização de tatuagem e pele pós-depilação, cremem hidratantes para pele e cabelo. E dia a dia: Sabonetes, desodorante, bálsamo labial, xampus e outros produtos essenciais para manter a saúde da pele, lábios e cabelos no dia-a-dia. Juro que depois que você segue começa a ter uma vontade louca de provar tudo!

 

QUASE NADA FUTIL STORE 

Elas tem uma kombi 75 como loja! Só por isso podemos dar pequenos pulinhos. Dirigida por mãe e filha a marca independente tem suas peças são desenhadas na estrada inspiradas pela rua, praia e do campo. No maior estilo hippie a loja é móvel e percorre feiras por toda parte do Rio principalmente. Roupas cheias de bossa e estampas pra nos sentirmos sereia tem fotos que a gente vai querer copiar mesmo!

 

Lembrando que valorizar o produto nacional e incentivar pequenos produtores independentes é uma forma valida de consumo consciente também. Se você acompanha o canal do Caos (SIM NOS TEMOS UM CANAL MENINA!) já sabe que o próximo passo – off-line – do blog é nosso ateliê então não deixa de seguir a gente nas redes InstagramFacebook e acompanhar todo nosso processo (:

Gi, tem 22 outonos, fez as malas e foi morar sozinha em outro pais. Paulista, adora descobrir novos lugares em São Paulo e criar listas com o namorado (que mora no Brasil) vegetariana, apaixonada por tudo que é lúdico, exótico, doce e colorido.

A estação mais quente do ano sempre nos reserva bons retornos, dessa vez a viseira ficou na nossa cabeça. Que não tenhamos preconceito em provar novos acessórios, ainda mais com essa pegada nostálgica que as viseiras tem. O retorno se deve a ascensão de um estilo mais esportivo e o retorno dos bonés como item fashionista (princesinhas de aba reta levantem a mão) de dois anos para cá.

A viseira nada mais é que um boné – só que só com a aba sendo vazado na parte do corpo cabeludo – isso é claro, sua função no inicio nada mais era que proteger os olhos da claridade solar só que sem esquentar a cabeça (to muito piadista hoje). O acessório provem do armário masculino e não sei (mas se você souber me diga) quem foi a pioneira que tirou do boy e se atirou lá pelos verões de 1960 onde o item se popularizou nos Estados Unidos.

Repaginada a viseira vem dominando a cabeça das fashionistas com diversos estilos.

Alem de ajudar na hora de elaborar looks de verão onde menos é fundamental porque não queremos morrer de calor, o item trás muita personalidade a composições simples como um biquíni e um maio, tendo um maior impacto visual alem de mega estiloso.

Com uma releitura mais fashionista cheias de estampas e cores ganhou o coração de famosas e principalmente da Rihanna que adotou o item e tem dado várias lições de como combinar.

Meus preferidos são com aba plástica, o ar dos anos 80 meio futurístico combinam muito mais com meu estilo mais arrojado e justamente não se engane que viseira é um acessório só de praia, como sempre falamos – toda peça é versátil, precisamos só usar a criatividade e observar o potencial de cada uma.

+ MONOCROMATICA 

A blogueira Mica optou por uma viseira fosca com uma pegada descolada junto com o óculos e a corrente de prata. A calça e a bota alongaram e a camisa amarrada na cintura deu mais movimento e um ar informal, no maior estilo esporte chic.

 

+ ROCK GLAMOUR 

Sou contra rotular estilos, ainda mais quando falamos de moda rotular é meio que limitar, mas não consegui pensar em um título melhor para essa composição que tomou meu coração. A regata de malha contrasta com o colar e as pulseiras de prata, assim como a calça meio bóxer de couro (esperamos que fake) com elásticos na cintura. Bem urbana, mostra que como boas peças básicas bem coordenadas podem transformar um look. A viseira deu ar mais ousado para o look. Amei? AMEI MUITO.

 

+ RIHANNA RAINHA 

Mais uma prova que básicos tem toda graça se bem coordenados. A blusa de malha com pegada trash e o jeans overside rasgadinho cintura baixa com a pegada podrinho, ganham outro ar com a viseira que como acessório da uma idéia de mais arrumadinho, alem do contraste de dois estilos que eu amo tanto.


A gente adora uma releitura, dar vida a peças mais antigas mas confesso que assim como as pochetes eu torcia o nariz (particularmente xofanna falando), mas a gente paga com a língua, seja pelo excesso de vezes que vemos e acabamos gostando ou por que a gente amadurece e entende que toda peça tem potencial só precisamos explorar e descobrir uma forma que ela represente nosso estilo individual.

Gi, tem 22 outonos, fez as malas e foi morar sozinha em outro pais. Paulista, adora descobrir novos lugares em São Paulo e criar listas com o namorado (que mora no Brasil) vegetariana, apaixonada por tudo que é lúdico, exótico, doce e colorido.

A gente sabe que o ano esta acabando quando começa a temporada de textão e retrospectivas do Best Nine no facebook e instagram. E imagina só que legal juntar os dois? As nove fotos mais curtidas do meu feed, representam bem como foi meu ano com algumas coisas acabei não compartilhando por aqui (aquela pausa dramática que não sabia o que queria lembram?).

O best nine é um aplicativo que seleciona as 9 melhores fotos do seu ano!

 

  1. Tenho um carinho eterno por ela, foi a última foto antes de viajar para a Itália em Setembro de 2015 e também foi minha despedida das casas de aluguel. Sempre foi o sonho da minha Mames ter o cantinho próprio, e esse ano ela realizou! Sei que “lar” não é algo material mas um estado de espirito, porem é bom me saber que esse sera meu lar para sempre, por que esta ficando do jeitinho que sonhamos.
  2. Foi no aniversário de 2 anos da Valen, dois dias depois que cheguei da Itália. Foi meu retorno para o Brasil. A Giovanna desta foto é completamente diversa da Giovanna que foi. A primavera me trouxe confiança, amor próprio e paciência, apesar de tudo isso, a auto estima é um trabalho constante e preciso estar sempre de vigia para não me subestimar e comparar.
  3. Essa fotinho foi em Assis! Um dos meus lugares favoritos na Itália. Não me considero católica, e nem acredito muito em santos, mas eu sempre adorei São Francisco, talvez por ter estudado em escola Franciscana a vida toda ou por toda história dele! Minha mãe é devota e todo ano vamos agradecer, mas esse foi o primeiro que exploramos todo povoado e castelo. Emocionante é a palavra que descreve.
  4. Sul da Itália. Nunca vi mar tão lindo como esses. A Costa Amalfitana é um espetáculo de beleza natural, cercada por esses penhascos monumentais e banhada por esse mar límpido, carrega uma herança gigantesca diversa da Itália que conhecia. Colonizada por Gregos, Espanhóis e Britânicos é rica e multicultural. Além de me sentir bem ryca lá, desfrutei de dias de rainha.
  5. Cesenatico. O lugar que pretendo um dia morar (e também predileto do Erik), projetado por Leonardo Da Vinci (sim!) é cosmopolita sem perder a essencia da costa norte Italiana. Ela representa também a chegada do Molico, essa foto foi tirada dois dias depois.
  6. Pompeia! Sou uma amante de ruinas, por isso o pais que me abriga sempre que saiu do Brasil é quase que um sonho. Era um sonho meu desde a época do colégio quando aprendia sobre a história da humanidade. Se me surpreendi? MUITO! E um daqueles lugares que todo mundo devia conhecer.
  7. Roma, Basílica Sant’Andrea della Valle. Pra muita gente a Basílica de São Pedro no Vaticano é a mais bonita, para mim não, de longe a Santo André ganha. Rica em detalhes, por fora muito simples e humilde, dentro revestida de ouro, afrescos, vitral e pinturas mais antigas que nossos antepassados. Um lugar que me trouxe paz.
  8. Positano. No sul da Itália ainda (viu como é lindo?) mostra um pouco da geografia e das cores que encantam os olhos dos turistas como eu. Vivida, transborda energia e boas vibrações. Falta muito para o próximo verão?
  9. Batom Alice. Cacei esse batom tudo por conta da embalagem, não tem nem o que falar a linha toda era lindíssima, (mas muito cara também!) a cor é bem mais ou menos, porém o esse exterior todo em veludinho com brilho. Pra guardar pra sempre!

 

Queria que tivesse aparecido qualquer coisa do Cercal o curso que me formei e sobre a Infiorata, mas tudo bem, achei legal relembrar meus best nine moments . 2016 foi um ano complicado, com muitos desastres, cheios de altos e baixos bem louco. Porém pra mim foi um ano de grandes experiencias e aprendizagem. Obrigada 2016 você vai tarde, mas deixou boas coisas <3 E se você já ainda não criou seu Best Nine, clica no site e deixa o link aqui nos comentários.

Gi, tem 22 outonos, fez as malas e foi morar sozinha em outro pais. Paulista, adora descobrir novos lugares em São Paulo e criar listas com o namorado (que mora no Brasil) vegetariana, apaixonada por tudo que é lúdico, exótico, doce e colorido.
Theme developed by Difluir - http://themes.difluir.com