BIOCOUTURE: DESIGNER CULTIVA SUA PRÓPRIA ROUPA

Você já imaginou ter sua roupa produzida por bactérias? A BioCouture sim!

Calma, sem pânico, sua roupa não vai sair andando por ai, mas ela tem vida e por isso é uma forma de slow fashion!

A estilista e designer Suzanne Lee criou a marca BioCouture com um intuito, para explorar como organismos como bactérias, leveduras, fungos e algas poderiam ser aproveitados para produzir tecidos.

A BioCouture é uma consultoria de design com sede em Londres que é pioneira no uso de materiais biológicos para os setores de moda, sportswear e luxo.

“Há todo um espectro de organismos que podem cultivar material”

Lee mostrou à  Wearable Futures uma gama de jaquetas e sapatos feitos de biocombustíveis produzidos por bactérias.

A receita que tem explorado para cultivar uma peça de roupa usa uma mistura simbiótica de leveduras e bactérias – um material que tem propriedades semelhantes ao couro.

É um método de fermentação que cresce celulose bacteriana. É como um couro vegetal se você quiser.

O que temos agora são organismos vivos que nos fazem materiais, mas então o organismo é morto e o material existe como qualquer outro.

Ou seja um tecido completamente orgânico, que não nao produz lixo toxico e descarte desnecessário. Melhor dizendo: é um compostável.

Não é apenas biodegradável, é compostável. Então, você poderia jogá-lo fora, e não teria problema com sua degradação no ambiente.

 

CALIX ALQUIMIA CONSCIENTE – ECO-FASHION

ZERO WASTE – DO LIXO AO LUXO

 

O que a maioria das pessoas conhece a BioCouture é uma série de roupas que foram cultivadas usando bactérias.

Assim, as fibras, o próprio material e a formação da peça foram feitas por um micróbio em vez de uma planta.

No futuro, Lee acredita que os próprios materiais de vestuário poderiam ser organismos vivos que poderiam trabalhar simbióticamente com o corpo para alimentá-lo e até mesmo monitorá-lo por sinais de doença.

A conferência de dois dias Wearable Futures explorou como materiais inteligentes e novas tecnologias ajudam a tornar a tecnologia portátil um dos tópicos mais falados nos campos de design e tecnologia.

“Mas eu posso imaginar que eventualmente nos moveremos para o material em si mesmo estar vivendo enquanto estiver em você e ter uma relação direta com todo o seu corpo neste ambiente de microbiologia feliz e talvez diagnosticar e tratar, nutrindo de alguma forma a superfície do corpo tornando-se parte do seu bem-estar “.

Eu tenho adorado acompanhar essas mulheres revolucionárias que estão costurando a nova história da moda!

Quais são as perspectivas de vocês para o futuro da moda? Qual mulher inspira vocês a revolucionar?

Minha mãe sempre disse “Xofanna pare de inventar moda!” – Pois é, que bom que nunca escutei.

Comentários

comments

VAI GOSTAR

Leave a Comment

CommentLuv badge

Pular para a barra de ferramentas